01 agosto 2014

Receitas da minha terra ❤

FoFas


Ingredientes:
500 g farinha ;
5 dl de líquido (água e leite) ;
2 colheres de sopa de sementes de funcho ;
2 colheres de sopa de açúcar ;
125 g de manteiga ou de margarina ;
1 colher de chá de sal ;
15 ovos ;
creme de baunilha ou de limão (facultativo)

Confecção:
Num tacho deita-se a água e o leite (podem ser em partes iguais), o sal, as sementes de funcho, o açúcar e a manteiga. Deixa-se levantar fervura e adiciona-se, de uma só vez, a farinha peneirada.
Mexe-se a massa sobre o lume até fazer bola e se desprender do tacho. Retira-se a massa do lume e põe-se a arrefecer.
Depois de fria, juntam-se à massa os ovos, um a um, batendo bem entre cada adição. Só se adiciona o ovo seguinte depois do anterior ter sido completamente absorvido. Quando a massa tiver a consistência de um merengue bem espesso, dispõe-se em montinhos (à colher) sobre um tabuleiro untado e polvilhado.
Levam-se a cozer em forno bem quente (cerca de 220º C). Retiram-se as fofas do forno quando estiverem bem loiras. Podem ou não rechear-se com creme de baunilha ou de limão.
Há quem junte a farinha a pouco e pouco, misturando fermento em pó (30 g para 500 g de farinha).

Fazem-se pelo Carnaval. Antigamente davam a estes bolos o nome de «filhós»


Arroz de Lapas

Ingredientes:

1 kg de lapas miúdas
1 Cebola grande
2 Dentes de alho
1 Dl de azeite
Meia colher de chá de colorau
500 Grs. De arroz
Sal q.b.
Pimenta q.b.
Salsa q.b.


Confecção:

Lavam-se as lapas e escaldam-se com água a ferver. Reserva-se a água de as escaldar, depois de coada.
Picam-se a cebola e o alho e refoga-se no azeite. A cebola deve ficar apenas «melada» (translúcida). Tempera-se com sal, pimenta, colorau. Rega-se com a água que serviu para escaldar as lapas e que deve ter duas vezes o volume do arroz. As lapas, sem as conchas, introduzem-se no arroz quando estiver quase seco. Serve-se polvilhado com salsa picada.




Massa Sovada 
(bolo/pão doce)




Ingredientes:

Para o fermento: 
1 Batata grande
1 Ovo
1 Colher de sopa de açúcar
20 Grs. De fermento de padeiro, mais 120 g de farinha 

Para a massa:

1 Kg de farinha de trigo
250 Grs. De açúcar
1 Colher de sopa de canela
6 Ovos
250 Grs. De manteiga

Confecção:

De véspera prepara-se o fermento. Coze-se a batata com a pele, pela-se e reduz-se a puré. A este puré junta-se o ovo batido, o açúcar e o fermento diluído num pouco de água morna (não quente). Adiciona-se farinha de trigo em quantidade suficiente para se obter uma massa de consistência média. Abafa-se e deixa-se levedar durante a noite.
No dia seguinte peneira-se a farinha (1 kg) para um alguidar juntamente com o açúcar e a canela. Faz-se uma cova no meio e deitam-se aí os ovos, batendo-os sem os misturar com a farinha.
Junta-se a manteiga derretida (mas não fervida) e finalmente a massa de fermento. Amassa-se tudo até a massa fazer bolhas e se soltar do alguidar. Tapa-se, abafa-se e deixa-se levedar durante algumas horas. Geralmente prepara-se a massa de manhã e coze-se ao fim da tarde.
Tiram-se bocados de massa do tamanho que se desejar; estes bocados, ao serem tirados e mexidos, esticam. Dobram-se.
Colocam-se sobre toalhas empoadas com farinha e depois de levedarem um pouco pincelam-se com leite.
Levam-se a cozer em forno forte.


POLVO GUISADO



Ingredientes:

2 Polvos médios
3 Cebolas grandes
3 Dentes de alho
2 Colheres de sopa de azeite
2 Colheres de sopa de banha
1 Colher de sopa de massa de pimenta (picante)
Pimenta em grão
Grãos de pimenta da Jamaica
1 Ramo de salsa
1 Folha de louro
1 Copo de vinho branco (1 dl)
2 Colheres de sopa de vinho do Porto
1 Ou 2 copos de vinho tinto (ou de preferência de cheiro do Pico)
Sal q.b.
Piripiri (facultativo)

Confecção:

Batem-se os polvos, arranjam-se e lavam-se. Cortam-se aos bocados.
Deitam-se num tacho o azeite, a banha, as cebolas e os alhos picados e leva-se ao lume apenas o tempo necessário para a cebola ficar translúcida. Juntam-se os bocados de polvo e deixa-se destilar. Retira-se o líquido que o polvo largou, conservando o polvo ao lume e quando este começar a querer enxugar, adiciona-se o líquido que anteriormente largou. Juntam-se ainda a massa de pimenta (malagueta), as pimentas em grão, o ramo de salsa e o louro. Quando o polvo estiver macio, rega-se com o vinho branco, o vinho do Porto e, a pouco e pouco, o vinho tinto. Deixa-se ferver suavemente até apurar e prova-se, só agora, de sal. Pode juntar-se um pouco de piripiri.
Serve-se com batatas cozida e pão de milho.´











Espero que tenham gostado amores

Beijinhos 


1 comentário:

  1. Ai que fome que me deu agora hihihihi

    Já se comia um polvinho *.*
    Nhumy Nhuny

    beijinho princesa

    ResponderEliminar