03 novembro 2014

A minha pele mudou !



Eu sempre tive pele normal a mista, sendo um pouco oleosa mesmo em certas alturas do ano mas ao passar o marco dos 25 anos de idade a minha pele mudou! Foi mudando cada vez mais e agora quase nos 30 a minha pele é normal a seca! Sim, seca! Quase não produz óleos e as bases que sempre usei agora secam-me a pele e marcam-me todas as minhas linhas de expressão :( 
Tanto que decidi mudar toda a minha rotina de pele e maquilhagem. Deixei os primers para controlar a oleosidade e as bases mate e troquei por bases hidratantes e primers iluminadores e fiz o mesmo com os cremes diários. 

Querem saber a causa para estas mudanças na nossa pele? Então vou vos contar aquilo que encontrei na minha pesquisa:

Com o tempo, a pele muda. Aos poucos, ela deixa de ter a fragilidade e a maciez típica da "pele de bebé" ou mesmo a beleza e brilho da "pele jovem", para se tornar mais seca, enrugada e "amadurecida". 

 Aos 30 anos a pele mostra os primeiros sinais de envelhecimento, já que cerca de 10% do mecanismo de defesa da pele fica enfraquecido, deixando os radicais livres actuarem com maior intensidade.


As grande alterações nesse período são causada pelas transformações hormonais.

A renovação celular se torna cerca de 20% mais lenta, deixando a pele menos viçosa. Resultado das agressões externas e internas, de maus hábitos e do acumulo de sol guardado na memória celular, é quando as pequenas rugas surgem na região dos olhos, formando os conhecidos pés-de-galinha. 

Alterações nas fibras de sustentação da pele (colágeno e elastina), que também começam a se degenerar, provocam flacidez e pequenas rugas ao redor da boca e testa, e sulcos entre o nariz e os lábios ("bigode-chinês"). 

Aqui vos deixo um resumo da vida da nossa pele:



  • 20 anos: hidratar e prevenir
Por volta dos 25 anos, começa a deterioração das células, processo este que não parará até ao fim da vida;

  • 30 anos: proteger e alimentar
A partir dos 30 anos, a pele começa a desidratar-se e surgem os primeiros sinais do tempo;

  • 40 anos: combater e intensificar
Depois dos 40, as rugas de expressão e as rídulas instalam-se, já que a renovação celular se torna mais lenta. As fibras de colagénio tornam-se mais fracas e o organismo diminui o fabrico de elastina. A pele perde a sua firmeza. As pregas da testa são visíveis;

  • + 50 anos: nutrir e conservar
É nesta época da vida que a pele vai passar pelas maiores transformações.


fonte: http://www.maxima.xl.pt/rosto-corpo/14000-as-idades-do-rosto.html



Espero que tenham gostado amores
Beijinhos

5 comentários:

  1. Eu sinceramente nunca percebi qual o meu tipo de pele, mas penso ser mista. Bom post, não sabia a maioria das coisas!

    ResponderEliminar
  2. A minha era seca, agora com 35 anos é mista e muito oleosa na testa...

    ResponderEliminar
  3. Passei exatamente pelo mesmo e a partir dos 35 aí é que se acentuam mesmo as diferenças , o prazo de validade dá cabo de uma pessoa -.-'

    ResponderEliminar